Abaixo encontram-se algumas das dúvidas mais frequentes que temos em nosso templo. Caso ainda haja alguma outra, envie-nos uma mensagem aqui!



Nossos atendimentos ocorrem todas às terças-feiras, 20h. Programe-se para chegar com o mínimo de 30 minutos antes para ter a oportunidade de entrar integralmente na vibração de nossas giras.
Certamente. Antes de mais nada, devemos compreender que somos nós os responsáveis por dar uma direção na vida religiosa de nossos filhos até que tenham o discernimento para escolher ficar ou seguir um novo rumo religioso. Uma gira de esquerda traz a presença dos Exús e Pombagiras, responsáveis por trabalharem com os nossos vícios e desequilíbrios. Contudo, entendemos que estamos na casa de Deus. Estamos na Umbanda. UMBANDA É RELIGIÃO portanto só praticar o bem.
Nada. Se um dia você encontrar um templo de Umbanda que cobre pelos trabalhos ali realizados, corra! Os trabalhos de Umbanda são inteiramente gratuitos e jamais serão cobrados. Em nenhum momento são realizados trabalhos para satisfazer o ego e a vaidade, o foco é a cura dos desequilíbrios e vícios presentes em diversos campos de nossas vidas.
Não. Os atendimentos são realizados às terças-feiras, 20h.
Umbanda é uma religião brasileira. Nascida e fundada no Rio de Janeiro em 15 de novembro de 1908 pelo Caboclo das Sete Encruzilhadas, através médiun Zélio Fernandino de Moraes. É influenciada pelo catolicismo, pelo espiritismo, pelas tradições indígenas e pelo Candomblé. Já o Candomblé, é uma religião que se desenvolve no Brasil porém, é completamente influenciado pelo Culto de Nação originário da Nigéria e trazido pelos escravos que de lá vieram por meio do processo escravicionista. A Umbanda, por ser brasileira, tem como língua oficial o português. Já o Candomblé, devido a suas influências, tem como língua oficial o Yorubá. Na Umbanda não são praticados sacrifícios com animais, contudo são respeitados aqueles que praticam. Já no Candomblé, o sacrifício animal faz parte dos rituais sagrados. Na Umbanda há a incorporação de espíritos chamados de guias espirituais que são: Os Caboclos, Pretos Velhos, Baianos, Boiadeiros, Ciganos, Marinheiros, Erês, Exús, Pombagiras, Exús Mirins, dentre outros. No Candomblé, o trabalho é realizado através do xirê dos Orixás, dança ritualista que traz o axé para os adeptos.
Não! Na Umbanda não se pratica sacrifícios animais. Esse ritual é respeitado, porém não faz parte de nossa ritualística.
O seu respeito! Este é o elemento principal para você trazer às gíras umbandistas. Celulares, tablets e outros artigos pessoais são dispensáveis.
Sim. Todas as doações são bem-vindas. Nosso templo é fomentado através de contribuições dos médiuns, doações financeiras e doações de elementos utilizados nos trabalhos religiosos.
Consulte neste site a página “Médiuns” é conheça um pouco do que é necessário. Caso haja interesse, dirija-se à um de nossos médiuns e informe sobre o seu interesse.
Roupas compatíveis ao âmbito religioso. Calças apertadas, camisetas ou blusas decotadas, roupas transparentes, saias curtas não são bem-vindas.

Templo Umbandista Pai João de Angola

Envie sua mensagem, dúvida ou sugestão para: templo@paijoaodeangola.com.br
Atendimentos: Terças-feiras, 20h.

11 4323-9852

Rua Capitão Pacheco e Chaves, 995 - Moóca/SP
(Próx. ao Mooca Plaza Shopping)

Conecte-se também através de nossos perfis nas redes sociais: