LITERATURA BÁSICA INDICADA

Conheça abaixo a literatura básica que indicamos à todos que queiram conhecer a Umbanda de forma clara e objetiva!



Lurdes de Campos Vieira, Manual Doutrinário, Ritualístico, Comportamental Umbandista. Editora Madras, 2009.

Este livro surgiu de um projeto da Associação Umbandista e Espiritualista do Estado de São Paulo (AUEESP) com o intuito de oferecer aos umbandistas um manual prático que os auxilie para uma melhor atuação em seus templos ou terreiros e na orientação aos médiuns quanto ao seu comportamento. Neste guia, o umbandista encontrará dicas e instruções de como preparar os templos e o ambiente para os trabalhos, organizar grupos de trabalho e eventos, fazer a preparação comportamental da corrente mediúnica, do sacerdote, dos médiuns, dos ogãs, dos cambones e dos auxiliares. Até mesmo aqueles que nunca adentraram em um templo de umbanda, mas pretendem fazê-lo, aqui encontrarão dicas de como se portar em um espaço sagrado como esse. Os autores dedicaram-se também à preparação de instruções gerais, aliando a prática do culto à doutrina umbandista, apresentando o culto dedicado a cada um dos orixás, além de rituais, consagrações e cultos consagratórios diversos, bem como orientações para motivação religiosa dos freqüentadores. Os leitores ainda terão à disposição o procedimento das cerimônias de batismo, casamento e funeral. Esta é uma obra que reúne várias práticas e torna mais fácil o trabalho dos dirigentes e médiuns umbandistas.



Alexandre Cumino, Umbanda e o Umbandista - Editora Madras, 2015.

Neste livro, com uma linguagem simples e acessível, Alexandre Cumino apresenta a Umbanda por meio do olhar umbandista. Embora pareça redundante, esta afirmativa revela o fato de que muitas pessoas chegam à Umbanda sem abandonar suas crenças mais profundas e arraigadas em valores, muitas vezes, construídos na infância. Dessa forma, identificamos umbandistas que continuam com medo do pecado ou do inferno católico, outros que têm receio de fazer uso de elementos materiais, ritual e magia por restrições do Espiritismo de Allan Kardec, ou mesmo aqueles que praticam Umbanda com dogmas, tabus e interdições do Candomblé. Todas as religiões são boas, a Umbanda bebeu de muitas delas para sua formação; no entanto, possui fundamento próprio. Descubra este rico e libertador universo da Umbanda e do umbandista por meio desta livre e descontraída leitura.



Rubens Saraceni, O Guardião da Meia Noite, Editora Madras, 2008.

Leitores, é chegado o momento de conhecer este magnífico romance de Luz, psicografado pelo grande Mestre Rubens Saraceni, inspirado por Pai Benedito de Aruanda. Ao ler esta obra, você estará entrando num mundo que deve ser sentido, explorado e vivido e que tem a intenção de fazê-lo evoluir na sabedoria do conhecimento Divino. ... A busca de um homem por sua alma perdida nas transgressões à Lei Divina. Caminhos de Luz e Trevas rumo ao Criador. Um nobre rico e poderoso, mas extremamente cruel, paga pelos seus atos. Seu corpo na morte se converte em sua prisão, julgado pelos vivos e condenado pelos mortos... Mas das trevas nasce a luz! O Guardião, sentinela da meia-noite, torna-se por seus méritos um servidor da Lei Divina. É este o enredo deste maravilhoso trabalho. Leia... você não vai se arrepender!



Alexandre Cumino, Umbanda não é Macumba. Editora Madras, 2014.

Muitos confundem Umbanda e Macumba. A grande maioria das pessoas, leigas, não sabe o que é Umbanda e muito menos o que vem a ser Macumba.
Macumba é o nome de um instrumento de percussão que era muito utilizado em alguns dos cultos afro-brasileiros no passado. Hoje esse termo tem uma conotação pejorativa utilizada como forma de discriminação e preconceito.
Umbanda é uma religião brasileira fundada por um brasileiro, que pratica única e exclusivamente o bem. O fundamento mais básico desta religião diz: “Umbanda é manifestação do espírito para a prática da caridade”. Qualquer coisa diferente disso não é Umbanda.
Com uma linguagem simples e objetiva, este livro se destina a todos que querem entender o mínimo e o básico sobre Umbanda e entender que Umbanda não é Macumba.



Alexandre Cumino, Médium - Incorporação não é Possessão. Editora Madras, 2015.

A Umbanda já completou mais de cem anos de existência neste mundo e, no entanto, até agora não havia nenhum título específico sobre a mediunidade de incorporação umbandista. Este é o primeiro título que aborda de forma simples e prática o desenvolvimento mediúnico de incorporação na Umbanda, refletindo sobre as dificuldades e conflitos pelos quais passam a maioria dos médiuns de incorporação. E não para por aí, Alexandre Cumino fala da experiência única de ver o mundo por meio dos olhos dos guias de Umbanda e da beleza mística de viver isso em sua vida. Este livro é recomendado tanto para médiuns iniciantes quanto para os mais experientes na incorporação umbandista, somando e construindo uma cultura teórica que em muito colabora para a prática de Umbanda. Leitura obrigatória a todos os médiuns e aos amantes da Umbanda, àqueles que querem ter um primeiro contato com suas belezas e seus encantos.

Templo Umbandista Pai João de Angola

Envie sua mensagem, dúvida ou sugestão para: templo@paijoaodeangola.com.br
Atendimentos: Terças-feiras, 20h.

11 4323-9852

Rua Capitão Pacheco e Chaves, 995 - Moóca/SP
(Próx. ao Mooca Plaza Shopping)

Conecte-se também através de nossos perfis nas redes sociais: